3

Papo de dados

292Pontos

hace 2 años

Curso de Introduçāo a Bancos de Dados
Curso de Introduçāo a Bancos de Dados

Curso de Introduçāo a Bancos de Dados

Crie estruturas de dados e conheça aplicabilidades práticas do MySQL. Domine a consulta e manipulação de dados, resolva problemas com os dados disponíveis e implemente bancos de dados em vários sistemas com o Curso de Introduçāo a Bancos de Dados da Platzi.

Tudo a nosso redor são dados: nosso nome e documentos pessoais, o número de uma conta bancária, um produto comprado, os bens que nós possuímos, a característica de um veículo, os alunos de uma instituição escolar, os fornecedores de uma empresa, entre outros.

Podemos entender que um dado é algo único e isolado e, dependendo do que for, nem sempre conseguiremos entender sua representatividade. Por exemplo, se eu falar a você apenas a palavra “azul”, você entenderá que azul é uma cor, mas se não tiver dentro de um contexto em nossa conversa, não conseguirá interpretar a que estarei me referindo sobre esta cor. Poderá ser a cor de um objeto qualquer, como: uma roupa, uma caneta, um veículo, entre outros.

carlos-muza-84523-unsplash (1).jpg

No entanto, se eu falar que “o carro é azul”, temos um contexto mais abrangente e conseguiremos entender ao que se refere, que é o nome do carro e a cor correspondente a ele. Sendo assim, nós conseguimos interpretar e entender esses dados através de uma informação que foi gerada na junção deles.

Podemos achar algo distante e complexo de entendimento, quando na verdade, o dado faz parte da nossa vida e está contido em nosso sistema, no meio empresarial, no comércio, supermercado, em nossa casa, até mesmo quando fazemos aquela análise de orçamento financeiro, estamos trabalhando com nossos dados! Já parou pra pensar nisso?

Afinal qual a importância de um Banco de Dados em uma Organização?

Entenda Banco de Dados como o local que você irá armazenar dados de forma organizada, onde terá uma coleção de dados que poderão ser relacionados ou não, permitindo o acesso as informações conforme necessidade.

Você poderia pensar por exemplo que uma forma de organizar seus dados, seria digitá-los em um aplicativo de texto por exemplo, mas imagina você procurar uma informação que você precise, no meio de um texto com mais de 10 mil linhas. Talvez fosse necessário um uma disponibilidade maior de tempo e você teria um pouco de trabalho, chegando até uma missão quase impossível, não é mesmo?

Os dados são o coração da empresa!

Quando você tem os dados organizados de maneira estruturada e associada, a leitura deles para uma pesquisa e tomada de decisão poderá ser mais fácil rápida!

Imagine por exemplo como seria o sistema de cadastro de saúde de uma população, onde nós temos os dados pessoais das pessoas, tais como: nome, RG, Idade, localidade em que vivem, entre outros.

Se tudo isso for “jogado” de qualquer forma de maneira desorganizada e desestruturada, poderá ficar trabalhosa a consulta destas informações no momento em que mais precisarmos.

Para que tenhamos uma organização e performance em obter respostas rápidas, criamos um Banco de Dados, que será o local em que estes dados serão armazenados de maneira organizada.

Para isso nós utilizamos um Sistema Gerenciador de Banco de Dados conhecido também com o SGBD.

Esse sistema é um software que possui recursos recursos capaz de manipular todas as informações de um Banco de Dados e prover resposta e interação com usuário.

markus-spiske-507983-unsplash.jpg

Um exemplo simples é quando você vai a uma loja e precisa identificar o valor de um produto. Se este não estiver nítido em uma cartaz ou etiquetado no produto, provavelmente você se direcione a uma pessoa ou um sistema para auxiliá-lo com isto. A sua resposta será possível pois todos aqueles dados estão organizados de maneira exata dentro de um sistema, preparado e organizado para fazer a consulta em um Banco de Dados.

Imagine o Banco de Dados como um grande repositório, criado de forma organizada, que nos permite realizar desde pesquisas simples a cruzamento de dados complexos, com o intuito de identificarmos informações e gerarmos análises para tomadas de decisão estratégica.

Se essas informações não estivessem reunidas de maneira organizacional, como você teria a informação desejada?

Como nós temos um mercado de trabalho extremamente aquecido, sempre haverá uma necessidade de profissionais qualificados para trabalhar com dados.

Existem diversas áreas de atuação, dentre elas:

  • DBA - Database Administrator ou Administrador de Banco de Dados
    É a pessoa que cuida de toda a base de dados da empresa, garantindo a segurança e integridade desses dados

  • Consultor em Dados - um profissional que poderá atuar em projetos específicos que tenham relação direta com os dados da empresa, em alguns casos, sendo responsável pela manipulação e tratativa dos dados durante o desenvolvimento de um sistema, por exemplo.

  • Analista de Dados - utilizará os dados em processos de análise, gerando insight para auxiliar tomada de decisão estratégica. .

A partir da interação com usuário, podemos comparar o Sistema Gerenciador de Banco de Dados (SGBD) como uma grande biblioteca, onde você poderá ter acesso aos seus dados de maneira eficiente, segura e organizada. Temos como alguns exemplos de SGBD: Oracle, SQL, DB2, MySQL, entre outros.

Em uma empresa voltada ao comércio, teremos todo o cadastro de produtos, controle das vendas e o espelho de como está o estoque.

Já se falarmos em uma instituição financeira (um banco, por exemplo), teremos ali armazenado, todos os dados dos clientes e o controle das operações e transações realizadas .

Em uma instituição educacional (escolas, universidades), podemos ter armazenado algumas informações relevantes, tais como:

  • Todos os dados dos alunos e seu histórico escolar (notas, faltas)
  • Controle de cursos com suas respectivas turmas e matrículas
  • Os professores e quais cursos eles ministram;
  • Entre outros.

Sabemos que quase que 100% das empresas utilizam o sistema informatizados e Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados! Estes sistemas podem conter os dados organizacionais, financeiros, transacionais, os dados de clientes, fornecedores, produtos, entre outros.

Independente do segmento, a importância no armazenamento e controle de dados é extremamente essencial, podemos falar que os dados são o coração da empresa!

Agora que você conhece os fundamentos, dê um passo em frente no seu treinamento em bancos de dados com Platzi

Curso de Introduçāo a Bancos de Dados
Curso de Introduçāo a Bancos de Dados

Curso de Introduçāo a Bancos de Dados

Crie estruturas de dados e conheça aplicabilidades práticas do MySQL. Domine a consulta e manipulação de dados, resolva problemas com os dados disponíveis e implemente bancos de dados em vários sistemas com o Curso de Introduçāo a Bancos de Dados da Platzi.
Viviane
Viviane
Escreva o seu comentário
+ 2