1

5 métricas que todo jornalista deve conhecer

82Pontos

hace 3 años

Curso de Jornalismo Digital
Curso de Jornalismo Digital

Curso de Jornalismo Digital

Obtenha qualificação especializada em uma área que é abordada ainda de forma incipiente nos cursos de graduação e pós-graduação brasileiros, com tendências, conceitos e conhecimentos inovadores e atualizados nos meios do jornalismo, marketing e produção de conteúdo.

Jornalista que é jornalista já nasce com a caneta na mão. Escrever está no sangue, assim como a curiosidade e mania de apuração, investigação e certificação. Para o jornalista da nova geração, essas últimas características são aplicadas não apenas nas busca pelas pautas, mas na análise dos resultados delas, que se dão pelas métricas. Reformando a minha frase inicial, jornalista que é jornalista já nasce com a caneta na mão e uma conta no Analytics.

Métricas são um conceito do marketing que se refere às formas de mensurar resultados, ou seja, os dados numéricos comportamentais dos visitantes de um site, blog, portal ou perfil em uma rede social. É por meio delas que o jornalista pode avaliar quantitativamente a repercussão do conteúdo produzido: o que funcionou? o que precisa ser melhorado? que tipo de material mais chama atenção do seu público? de onde parte o seu público? São apenas algumas das respostas que as métricas ajudam a responder.

O estatístico e professor William Edwards Deming dizia que “o que não pode ser medido, não pode ser gerenciado”. Por esse motivo, um dos erros mais frequentes entre as marcas que têm dificuldade em determinar uma estratégia de marketing digital é ignorar as métricas. E para que você não caia na tentação de deixar essa análise de lado, separamos cinco métricas que você não pode esquecer na hora de avaliar a performance do seu conteúdo.

1. Usuários, sessões e visualizações de página

Sessões, usuários e visualizações de páginas são conceitos e métricas distintas que precisam ser atentadas e diferenciadas pelo jornalista.
O número de usuários diz respeito à quantidade de pessoas únicas que esteve em seu projeto em um determinado período de tempo. Já o número de sessões refere-se à quantidade de vezes que o seu site ou blog, por exemplo, foi acessado. Visualizações de páginas, por sua vez, engloba não apenas os números de acesso, mas a quantidade de páginas que foi aberta em cada nova sessão.
Então, se Maria acessa um mesmo site duas vezes em um mês, e a cada vez que acessa, abre em média 4 páginas diferentes, os números do mês sobre Maria são: 1 usuário; 2 sessões e 8 visualizações de página.
É importante ter um número de usuários significativo, mas ele não precisa ser igual ao número de sessões e visualizações de página. Ora, se o seu número de sessões é o dobro (ou mais) do número de usuários, significa que você tem muitos leitores fixos - que têm como hábito ler o seu conteúdo. E um número de visualizações de página bem maior que o seu número de usuários significa que o seu site está convidativo e agradável para “um passeio”. Ou seja, quem o acessa, não fica restrito a apenas uma página, mas navega também por outros conteúdos.

2. Returning visitors

Cliente satisfeito sempre retorna! A taxa de returning visitors ou “visitantes que retornaram” diz respeito à quantidade (ou porcentagem) de usuários que voltaram ao seu site em um determinado período de tempo. Por exemplo, se em um mês x, 80% do seu público foi de “returning visitors” e 20% de novos visitantes, significa que, naquele mês, 80% dos usuários já eram fidelizados, ou seja, já estiveram no seu projeto antes e gostaram ao ponto de querer voltar. “Returning visitors” significa uma relação de confiança travada com o seu leitor.

3. Links mais acessados

Jornalista quer ser lido, não é mesmo? Um coisa que agrada o ego é uma “primeira página”, ou “capa de portal”. Bom mesmo é “viralizar” e se tornar a matéria mais lida sobre determinado assunto. Por isso, é bom ficar de olho nos conteúdos que mais convertem em visualizações no seu projeto. Esse dado é importante para organizar estratégias e conhecer melhor o seu público e o tipo de material que ele deseja ler.

4. Permanência na página

O tempo de permanência na página é um dado relevante para qualquer produtor de conteúdo. Quanto tempo o usuário que chega até o seu projeto fica por lá? Um maior tempo de permanência (ou, pelo menos, um tempo de permanência equivalente ao conteúdo que você oferece) significa que o material produzido foi eficiente na conquista do leitor. Alvo acertado e receita aprovada! Já pode repetir. 😉

5. Ranking
É sempre bom ficar atento à visibilidade que o seu conteúdo tem em mecanismos de busca, tal como Google e Yahoo. Quando você digita o nome do seu projeto online, ele aparece facilmente na primeira página do Google? Ao digitar palavras chaves relacionadas a ele, qual a posição em que o seu projeto aparece? Como estão os concorrentes nesse posicionamento? Esses dados podem ser melhorados por meio de estratégias de SEO, nas quais o jornalista que atua no meio digital também precisa estar super afiado.

Você também pode avaliar o ranking de acessos do seu site e dos seus concorrentes por meio do Alexa, um serviço da Amazon que rankeia os sites pelo número de acessos.

Uma dica valiosa para todo jornalista é criar uma conta no Analytics para o seu endereço online. Lá, você tem acesso a informações não apenas sobre o seu conteúdo mas também sobre o seu público. É o paraíso das métricas!

Quer saber mais sobre como um jornalista deve se preparar para o atuar no meio digital e ter um melhor posicionamento no mercado de trabalho? Clique aqui e conheça o curso de Jornalismo Digital da Platzi!

Por Andressa Vieira, jornalista, especialista em Marketing Estratégico, mestranda em Estudos da Mídia (UFRN) e professora da Platzi

Curso de Jornalismo Digital
Curso de Jornalismo Digital

Curso de Jornalismo Digital

Obtenha qualificação especializada em uma área que é abordada ainda de forma incipiente nos cursos de graduação e pós-graduação brasileiros, com tendências, conceitos e conhecimentos inovadores e atualizados nos meios do jornalismo, marketing e produção de conteúdo.
Andressa
Andressa
Escreva o seu comentário
+ 2