3

Estrutura de dados no Python: o que é e como usar?

334Pontos

hace 20 días

Curso Básico de Python
Curso Básico de Python

Curso Básico de Python

Comece no mundo da programação com a linguagem de crescimento mais rápido do mundo: Python. Descubra o que é um algoritmo e como ele é construído. Domine as variáveis, funções, estruturas de dados, condicionais e loops.

No desenvolvimento de um programa é bem comum que implementemos códigos que manipulam conjuntos de dados, como: ordenar valores, procurar se há um determinado valor, acessar um valor tendo como base uma chave que identifica este valor, entre outros.

Essas operações não são especificas para um tipo de dado único e encontramos em várias situações: você pode querer procurar um produto em uma lista; encontrando vários produtos similares, você pode ordenar de acordo com sua avaliação; ou se tiver o código que identifica o produto como o ISBN de um livro você também pode querer procurar um produto especifico.

A partir de situações repetitivas similares, as pessoas perceberam que poderiam organizar essas lógicas em estruturas que facilitariam a manipulação dos dados. A seguir apresento quatro estruturas de dados que encontramos implementadas no Python.

Lista

Provavelmente você usa ou já usou uma lista de compras, lista com ingredientes de uma receita, lista de exercícios. A lista é uma sequência de valores, normalmente valores do mesmo tipo, exemplo:

  • uma lista de compras em que foi anotado os itens um após o outro;
  • uma lista criada de acordo com a importância, do item mais importante para o menos importante;
  • após criar a lista é possível alterar ou apagar da sua lista os itens que você já fez ou que não são mais importantes.

Tupla

A tupla é uma estrutura que organiza uma sequência de valores, mas diferente da lista, os valores da tupla não podem ser alterados. Por esse motivo a posição dos valores é muito importante, porque será através da posição de cada elemento que ele será obtido, a tupla também é indicada quando temos valores de tipos diferentes.

  • usado para organizar informações relacionadas a um produto, pessoa ou objeto;
  • usado quando uma função precisa retornar mais de um valor.

Dicionário

O dicionário pode ser associado com algo que tenha uma chave e você quer encontrar o valor desta chave, exemplo:

  • uma lista de contatos, pois cada contato possui um nome que é único e este nome está associado a um número de telefone;
  • uma chave PIX que é única e que está associada a uma conta bancária.

Conjunto

A ideia do conjunto está relacionado ao conceito matemático, é uma estrutura que não permite valores duplicados, permite comparar conjuntos para obter os valores que estão na intersecção ou os valores diferentes, exemplos:

  • representar um carrinho de compras de um site, pois cada produto adicionado no carrinho é único, mas incrementando o valor da quantidade deste produto;
  • um diretório do computador no qual os arquivos não podem ser repetidos;
  • unir duas listas eliminando os valores duplicados.

Quando precisar realizar alguma operação que envolva vários dados, veja se alguma estrutura de dados pode te ajudar nessa tarefa. Na figura a seguir apresento um resumo de como criar essas estruturas de dados no Python:

Imagem1.png

No curso básico de Python apresento essas estruturas e como usar cada uma, no projeto final do curso também usamos estruturas de dados para fixar o seu uso no dia a dia.

Curso Básico de Python
Curso Básico de Python

Curso Básico de Python

Comece no mundo da programação com a linguagem de crescimento mais rápido do mundo: Python. Descubra o que é um algoritmo e como ele é construído. Domine as variáveis, funções, estruturas de dados, condicionais e loops.
Rafael
Rafael
Escreva o seu comentário
+ 2